12 agosto 2006

Sentido de humor...

Não obstante existirem todos os tipos de sentido de humor, não me permito nem um tímido sorriso a propósito de todo este imbróglio em que estamos metidos. Porque estamos. E somos todos. Se não directamente no pesadelo do fogo cruzado, pelo menos no efeito incontrolável dos sistemas que se encarregam de nos manter sintonizados a tempo inteiro com o horror.

Ás vezes penso que seria preferível viver na ignorância, como se isso fosse possível. Como se fosse pensável que tudo se passaria da mesma forma se o ignorássemos. É obrigatório que o mundo saiba. Na acção já se expectou a reacção. E a reacção desenvolverá necessariamente nova acção. E os mercados agitam-se permitindo, de forma incessante, a aquisição, transporte, manipulação e ruína, morte, ruína, ruína…

Não posso acreditar que seja mais do que um imbróglio. Um qualquer imbróglio no meio de muitos outros. Porque os homens, esses passam mal com o ódio, sobretudo esse ódio que mestre algum jamais ensinou.
Talvez seja mesmo o sentido de humor, também aqui, a atitude mais inteligente, mas não sei. Já não sei nada!

Alice T

1 comments:

Blogger Nádia Jururu said...

Parabéns pelo vosso muito recente blog, mas prometedor. Gostaria de saber se algum de vocês me conhece pessoalmente, uma vez que postou num dos meus.
Beijinhos
nadinha

12/8/06 2:32 da tarde  

<< Home